Trabalhadores na Claro Brasil aprovaram proposta da empresa

Os trabalhadores na Claro/Net aprovaram, por ampla maioria, a proposta da empresa de aditivo do acordo coletivo 2017/2019 - Cláusulas Econômicas.

A negociação não foi fácil. A Claro, desde o início, dificultou as negociações o que é inaceitável para uma empresa do porte da mesma. As primeiras propostas sequer mereceram ser levadas à apreciação da categoria já que sequer recuperavam as perdas salariais da data-base da categoria e a empresa não pagou o INPC do período para os salários.

A Claro tem obtido ótimos resultados, fundamentalmente pela dedicação dos seus trabalhadores(as), e ocupa um importante espaço no segmento de telecomunicações no Brasil.

Na reunião do dia 26 de novembro, a Claro apresentou à Comissão Nacional de Negociação da Fitratelp (CNN FITRATELP), a sua proposta final de reajuste das cláusulas econômicas do Acordo Coletivo de Trabalho – ACT 2018/2019 e PPR 2018.

Para o Sindicato a proposta, apesar de alguns avanços, não atende plenamente o que está sendo reivindicado pela categoria. Mas a proposta foi levada à assembleia que acabou por aprovar a mesma.

Houve, ainda, o compromisso da Claro que, com a proposta aprovada, a empresa fará os pagamentos das diferenças salariais no dia 12/12/2018,e as diferenças do programa alimentação serão feitas junto com o credito no final de dezembro de 2018. Confira na tabela abaixo, o resultado das assembleias com os trabalhadores da Claro/Net nas diferentes regiões.

Cidades

Aprovado

Rejeição

Abstenção

Sindicalização

Lista de Presença

Bagé

10

0

0

0

10

Passo Fundo

18 

1

0

0

19

Uruguaiana

27 

0

0

0

27

Lageado

9

1

0

0

10

Cruz Alta

12

0

0

11

12

Santa Maria

50

4

0

0

54

Porto Alegre

94

34

2

3

130

Novo Hamburgo

20

10

2

9

32 

Caxias do Sul

47

1

0

2

48 

Passo Fundo

7

02 

0

0

9

Pelotas

54

0

0

1

54

Erechim

14 

2

0

0

16

Santa Cruz do Sul

 9 

9

1

 

18

Porto Alegre

111

31

1

1

143

Caxias do Sul

13

0

0

4

13

Rio Grande

17

0

0

9

17

Santo Ângelo

1

0

0

0

1

Novo Hamburgo

0

0

0

0

0

Santa Cruz do Sul

0

0

0

0

0

Santa Maria

1

0

0

0

1

Bento Gonçalves

10

1

0

0

11

Porto Alegre

37

73

2

5

112

Total

493

167

8

45

657

Assessoria de Comunicação

09/12/2018 18:47:09

A direção do SINTTEL-RS acompanha atentamente o avanço da pandemia de COVID-19, a doença causada pelo CORONAVÍRUS. Preocupada com os trabalhadores em telecomunicações e, também, com os do Sindicato, decidiu reduzir o horário de trabalho podendo ser reavaliado a qualquer instante, conforme evolução do estado de alerta.

O novo horário é das 10h às 16h15. Este horário é emergencial.

Reafirmamos que estamos à disposição dos trabalhadores e trabalhadoras e orientamos todos que, caso necessitem de informações ou qualquer outra questão, podem enviar email para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou por telefone, pelo número (51) 3286.9600.

Atenciosamente,

Direção SINTTEL-RS