Chile: os aposentados e a sobrevivência dramática

No dia 28 de maio último, o SINTTEL-RS, participou, na sede do Sindicato dos Bancários de Porto Alegre, da palestra do professor da Faculdade de Economia e Negócios da Universidade do Chile, Andras Uthoff.

O especialista em previdência e doutor em economia, que já havia palestrado no recente Congresso da ANAPAR, falou sobre o modelo previdenciário chileno desde a reforma que evidenciou o individualismo em detrimento da solidariedade, imposta pelo ditador General Pinochet nos idos de 1981, até os tempos fatídicos atuais, passando por duas tentativas infrutíferas, devido à cultura individualista que impera no Chile, de salvar o sistema por parte da presidenta progressista, Michelle Bachelet.

Transcorridos quase 40 anos, a grande maioria dos aposentados e pensionistas chilenos vivem uma realidade de sobrevivência dramática.

Sem ter a quem recorrer, acusam as AFP's (Fundos Administradores) de tê-los enganado, prometendo recursos financeiros para um final de vida digno e isto está longe de ser realidade.

Para piorar, todo o investimento das seis AFP's existentes (três são dos EUA e nenhum é chileno) é realizado no exterior e com isto não gera emprego no Chile e via de conseqüência, existe menos aporte de recursos na previdência.

Esta situação preocupante, devido à miséria reinante entre os idosos chilenos, levou às manifestações de rua que se repetem cada vez mais e cuja bandeira principal é a luta por um regime previdenciário similar ao que existe hoje no Brasil e que o governo Bolsonaro quer dilacerar. 

A coordenação do evento comprometeu-se em alcançar aos participantes as transparências projetadas e muito bem expostas pelo palestrante, que são extremamente elucidativas e ilustrativas.

Assessoria de Comunicação

30/05/2019 09:52:37

Rua Washington Luiz, 572 - Centro, Cep 90010-460 Porto Alegre, Rio Grande do Sul.