Exposição sobre normas de segurança e saúde no trabalho

O Fórum Sindical de Saúde do Trabalhador do Rio Grande do Sul (FSST-RS), integrado pela CUT-RS, inaugura nesta quarta-feira (9), às 13h30, a exposição multimídia “Vidas em Risco”, no saguão da Assembleia Legislativa, em Porto Alegre.

A abertura ocorrerá antes do pronunciamento, às 14h, do deputado estadual Valdeci Oliveira (PT) no espaço do Grande Expediente, no Plenário 20 de setembro, que tratará do tema “O custo da desregulamentação das normas e direitos dos trabalhadores e das trabalhadoras”. A mostra poderá ser visitada gratuitamente, das 9h às 17h, até a próxima sexta-feira (11).

Em 11 painéis e uma série de vídeos exibidos em monitores, a exposição ilustra a importância das Normas Regulamentadores (NRs) para a proteção da saúde e da vida de quem trabalha. As imagens são impactantes e revelam desde ambientes de trabalho que apresentam riscos à vida humana até plataformas de petróleo afundando e veículos soterrados pelo desabamento de um viaduto.

Retrocessos

O FSST alerta que é importante conscientizar sobre os retrocessos em relação a segurança no trabalho com a proposta do governo Bolsonaro de alterar as normas sem o debate necessários com os setores envolvidos, como os trabalhadores. De acordo com integrantes do Fórum, o governo Bolsonaro já deixou claro que quer agradar o empresariado, retirando direitos trabalhistas, assim como fez com a MP 881, chamada de Liberdade Econômica, e faz agora com as propostas de alteração das NRs, o que ameaça a integridade física e psicológica de milhões de brasileiros e brasileiras. Só quem corre riscos de perder com essas alterações é o povo que trabalha e produz.

O SINTTEL-RS tem participado ativamente dos movimentos e ações de resistência ao desmonte nas normas e vem alertando a categoria para a gravidade desta situação.

De acordo com o Fórum, o governo quer desmontar mais de 90% das 37 NRs, que foram aprovadas por consenso nas últimas décadas. Neste sentido, a exposição tem como objetivo conscientizar os parlamentares e a população de que a briga pela segurança e saúde no trabalho é uma luta justa e de todos.

Assessoria de Comunicação

C/Informações da CUT-RS

09/10/2019 11:23:49

A direção do SINTTEL-RS acompanha atentamente o avanço da pandemia de COVID-19, a doença causada pelo CORONAVÍRUS. Preocupada com os trabalhadores em telecomunicações e, também, com os do Sindicato, decidiu reduzir o horário de trabalho podendo ser reavaliado a qualquer instante, conforme evolução do estado de alerta.

O novo horário é das 10h às 16h15. Este horário é emergencial.

Reafirmamos que estamos à disposição dos trabalhadores e trabalhadoras e orientamos todos que, caso necessitem de informações ou qualquer outra questão, podem enviar email para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou por telefone, pelo número (51) 3286.9600.

Atenciosamente,

Direção SINTTEL-RS